agarioagario unblocked - - betebet350.combetvoletipobet

Metrô-DF transporta mais usuários e tem menos ocorrências no carnaval

Metrô-DF transporta mais usuários e tem menos ocorrências no carnaval
07 mar 2019

Estratégia de segurança garantiu um transporte seguro. Empresa teve número recorde de empregados na operação nos dias de folia: 1.015

Texto: Fabíola Góis/Ascom/Metrô-DF
Foto:  Paulo Barros/Ascom/Metrô-DF

(Brasília, 6/3/2019) – A Companhia do Metropolitano do DF (Metrô-DF) considera positivo o balanço do carnaval 2019. Durante os quatro dias de folia, de 2 a 5/3, o Metrô-DF manteve uma frota disponível de 27 trens, nesse período, foi transportado um número total de 291.152 passageiros, com uma arrecadação total de R$ 1.060.113,10. O sábado registrou o maior fluxo de usuários: 112.458 pessoas. Nos quatro dias de Operação Carnaval, a média diária foi de 73 mil usuários. Em 2018, a média foi de 64 mil. Em relação ao carnaval de 2018, foram transportados 35.976 usuários a mais no Carnaval 2019.

Durante esse período, o Metrô-DF realizou 1.036 viagens, desse total, apenas 12 viagens tiveram de ser interrompidas por atuações indevidas dos usuários, danos às portas e janela dos trens, invasões das vias e atuação de equipamentos de emergência, ocasionaram o acionamento dos sistemas de segurança do Metrô, impedindo a movimentação dos trens.

Nos 4 dias da Operação Carnaval, foram mobilizados 1.015 empregados, entre diretos e indiretos, sendo 283 Agentes de Estações, 181 do Tráfego (pilotos e inspetores de tráfego), 33 do Centro de Controle Operacional e 192 de Segurança Operacional, além de 206 empregados de vigilância patrimonial e 120 empregados da limpeza e conservação, o que representa um acréscimo de 89% em relação ao ano de 2018, em que  535 empregados foram mobilizados para o período do carnaval.

Também atuaram em plantão de 24 horas empregados da Manutenção para o pronto restabelecimento dos trens que sofreram algum tipo de dano em equipamentos e sistemas. Além disso, uma equipe da Ouvidoria se revezou para prestar atendimento ao usuário, bem como equipes da medicina ocupacional, também estiveram de plantão durante os dias da folia, para atender aos empregados do Metrô.

No total, este ano, 16 trens da companhia sofreram danos em portas, janelas ou extintores, tendo sido danificadas 5 janelas, 12 portas e 12 extintores. Outros atos de menor dano operacional foram registrados nesse período, levando à necessidade de reparos localizados em 68 capas de botões de emergência e 3 luminárias.

Em 2018, 26 trens foram vandalizados, sendo danificadas 48 janelas, 25 portas e 21 extintores. Além disso foram necessários reparos em 118 capas de botões de emergência e cinco luminárias. Três trens também foram alvo de pichações.

Em 2019, o Metrô-DF atendeu 14 ocorrências de primeiros socorros e registrou 19 boletins de ocorrência nas delegacias de polícia, em virtude de uma maior identificação dos infratores pelo Corpo de Segurança Operacional. No ano passado, foram 18 ocorrências de primeiros socorros e 12 registros em delegacias de polícia.

“É importante destacar o expressivo apoio da Polícia Militar do Distrito Federal, em ações desenvolvidas tanto nas estações quanto na circulação dos trens, durante toda a operação de carnaval. O empenho e a dedicação dos empregados do Metrô, envolvidos nesta operação especial, foi de suma importância para garantir um retorno rápido e seguro para todos os usuários do Metrô-DF”, afirmou o presidente da companhia, Handerson Cabral.

Share

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>